Domingo, 14 de Julho de 2024
18°

Tempo nublado

Santo Antônio de Jesus, BA

Carros Carros

Volkswagen declara pausa na produção com férias coletivas em três fábricas de SP

Segundo a montadora de veículos, a produção foi afetada pelas chuvas do RS que refletiram na queda de vendas e transporte de peças

20/05/2024 às 20h48
Por: Redação Fonte: Metro1
Compartilhe:
Arte Divulgação
Arte Divulgação

A Volkswagen pausou sua produção em três fábricas de São Paulo, nesta segunda-feira (20), para iniciar férias coletivas. Com a medida, a montadora busca diminuir o impacto das chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul, na produção de veículos. 

A empresa informou através de nota que “alguns fornecedores de peças da Volkswagen do Brasil, com fábricas instaladas no estado, estão impossibilitados de produzir”, por isso, a necessidade de pausar temporariamente as produções. 

As fábricas de Anchieta, em São Bernardo do Campo (ABC), Taubaté e São Carlos, foram as afetadas pela paralisação. Já a unidade do Paraná, em São José dos Pinhais, segue produzindo normalmente até o momento.

Até 3 de junho, 4 mil metalúrgicos de Anchieta estarão de férias, além de outros 1.800 funcionários de Taubaté. Em Ibaté, no interior do estado, o funcionamento será reduzido para um único turno de produção. Já em São Carlos, onde são fabricados os motores da Volks, 327 metalúrgicos estão em féria coletivas por 11 dias.

O Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté e Região (Sindmetau) afirmou que a informação foi apresentada aos trabalhadores em duas assembleias na última semana.

“A montadora vem monitorando os reflexos das chuvas e chegou a protocolar um aviso de 20 dias de férias coletivas na semana passada. Mas acabou reduzindo o período para dez dias após novas análises do cenário produtivo. A Volks vai continuar acompanhando a situação no Rio Grande do Sul e alterações no período de férias coletivas não estão descartadas”, disse o Sindmetau. 

As vendas de veículos sofreram uma queda em maio, devido às enchentes no Rio Grande do Sul. Segundo dados da Bright Consulting, na primeira quinzena deste mês, as vendas caíram 18% em relação ao mesmo período de abril.  

A participação do estado nas vendas saiu de 4,5% em abril para 0% desde 7 de maio. A consultoria estima reflexos também nos próximos meses. No estado gaúcho a frota de veículos é de 2,8 milhões de unidades, mas cerca de 150 mil a 200 mil veículos tiveram perda total pelas chuvas, conforme projeção da Bright Consulting. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários